Missionários

Pastor Edilson Neves da cidade de São Paulo, pregador que já passou pelos Gideões Missionários em 2016 , caiu nas garras da internet ao ter um vídeo vazado se masturbando e ser denunciado por uma novinha de Belém a qual teria enganado com promessas amorosas.

Segundo denuncias feitas pela sua ex-namorada Andressa Gomes, da igreja AD Portas Abertas, tendo por pastor presidente Alexandre Guilherme, o pregador que já teve seu nome na lista oficial dos Gideões Missionários, a roubou , tirando-lhe dinheiro que seria para seu bél prazer, vestindo se bem com sapatos e ternos caros.

O pastor Edilson Neves, que antes era anônimo, acabou ficando famoso quando participou do Congresso de Missões de Camboriú, porém tudo o que construiu no ministério, acabou desmoronando com ovídeo que revela ele enviando sua parte intima para irmãs e fotos vazaram em todos os grupos de WhatsApp e viralizou nas redes sociais.

O Buxixo Gospel procurou alguns pastores através de informações anônimas, e conversou com um pastor de Itaboraí, que realizou um evento na cidade em sua igreja e levou Edilson como um dos pregadores da noite e acabou hospedando o suposto pastor em sua casa.

Além de Neves tentar seduzir a esposa do pastor que o hospedou, também tentou faturar uma fiel da sua igreja, e ele foi obrigado a expulsar Edilson da sua casa.

Ainda em um dos áudios que o site teve acesso Edilson estaria xingando o cantor gospel Pedrinho de Cabo Frio, que o levou para realizar um trabalho de pregação numa igreja, pagou para uma conhecida evangélica para hospeda-lo em sua casa, e ele teria tentado sexualmente contra a fiel e a situação teria vazado.

O pastor Fabiano que seria o pastor a qual Edilson congregava acabou sendo envolvido no caso, e estaria sendo denunciado em grupos de WhatsApp. A redação entrou em contato e o pastor garantiu que faz mais de 4 meses que Edilson deixou o ministério. Pelo que o pastor afirmou saber, Neves não estaria hoje em ministério nenhum.

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: noticias@obuxixogospel.com.br que iremos analisar.