Sequestro de evangélica chega a 30 dias e caso segue sem solução

sequestro

A evangélica Jussara Maria da Silva Pereira que foi sequestra em
Paudalho, Zona da Mata Norte de Pernambuco em fevereiro, conta com 30 dias desde que foi levada. O caso não foi solucionado e a mãe de dois filhos continua desaparecida.

Após seis dias do desaparecimento da evangélica, familiares e amigos fizeram protesto para pedir agilidade dos órgão competentes mais agilidade.

Três suspeitos já teriam sido presos. No entanto Jussara ainda não foi localizada e o caso segue sem solução.

A vítima estava com os filhos de 12 e 15 anos em casa quando três homens entraram na residência e levaram Jussara. Imagens gravadas pelos criminosos, mostram a mulher ferida e sendo ameaçada sob a mira de duas armas.

De acordo com as informações, Jussara de 35 teria sido levada pelos bandidos traficantes, que estariam cobrando uma dívida de drogas de R$ 45 mil contraída pelo seu marido.

Contou o delegado que o marido de Jussara Marcos Rafael Pereira é presidiário , e conhecido por Quiquinho, em detenção por receptação de veículo.

Etiquetas
Comentários
Botão Voltar ao topo