Bispo Edir Macedo, RR Soares,Valdemiro Santiago já ganharam passaporte diplomático. E Malafaia?

Bispo Edir Macedo, RR Soares,Valdemiro Santiago já ganharam passaporte diplomático. E Malafaia?

RR Soares, Valdemiro Santiago e agora o bispo Edir Macedo saiu na frente do pastor Silas Malafaia e o chanceler Ernesto Araújo nesta segunda-feira (15), concedeu passaporte diplomático para o líder da Igreja Universal . Além dele, Ester Eunice Rangel Bezerra, esposa do bispo, também ganhou o documento.

O novo passaporte de Macedo terá duração de três anos. Segundo a portaria assinada pelo chanceler, “seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior”.

Ter um passaporte diplomático facilita bastante o trânsito de seus portadores em aeroportos. Nestas áreas, não há necessidade de pegar fila, além de receber atendimento especial ao despachar bagagens. Em alguns países, é dispensada até a necessidade de visto.

Outras lideranças religiosas, além de Edir Macedo, já tiveram este documento.

Valdemiro Santiago de Oliveira e Franciléia de Castro Gomes de Oliveira, da Igreja Mundial do Poder de Deus ganharam o passaporte diplomático. Os líderes religiosos também alegaram continuidade do trabalho no exterior na solicitação do documento.

No entanto, juiz Tiago Bologna Dias, da 7ª vara federal cível de São Paulo, determinou que o pastor Valdemiro Santiago, do templo neopentecostal Igreja Mundial do Poder de Deus, e a mulher dele, Franciléia de Oliveira, devolvam no prazo de dez dias os passaportes diplomáticos que receberam do Ministério das Relações Exteriores em 2013, durante o primeiro mandato da presidente cassada Dilma Rousseff.

RR Soares, fundador da Igreja e sua mulher Maria Magdalena Bezerra Soares, foi outra liderança a ser agraciado. Mas aconteceu o mesmo que a Valdemiro.

A Justiça Federal em São Paulo anulou a portaria do ex-ministro de Relações Exteriores José Serra (PSDB) que concedeu em 2016 passaporte diplomático R. R. Soares.

Comentários
Botão Voltar ao topo