Brasil

ExpoEvangélica se inicia com orações pelo país.

A oração se tornou um elemento indispensável nos dias atuais

A ExpoEvangélica desse ano, começou de um amaneira diferente. O evento, que já se encontra em sua 14ª edição, foi iniciado com uma mensagem de incentivo as praticas de oração pelos cristãos.

A programação se iniciou no dia (3), e correrá até amanhã (6), no Centro de Eventos do Ceará em Fortaleza.

O pastor da Assembléia de Deus Templo Central, Antônio José Azevedo, fez uma oração de abertura. Ao Longo do evento, diversas orações pelo Brasil já fora realizadas.

De acordo com Francisco Everton, presidente da feira, a “ExpoEvangélica trabalha no modo da unidade. Ela não tem bandeira de igreja, faz parte de todas as denominações”.

A cantora Aline Barros também já esteve presente ministrando os louvores. até o final da programação, a estimativa é de que aproximadamente 40 cantores e bandas se apresentem no evento gospel.

“Hoje nós atraímos pessoas não só do Ceará, mas de todo o Brasil. Todo o trade de turismo é beneficiado com esse projeto”, afirmou Francisco Everton.

“Nós temos que orar muito pelo Brasil. Nós temos visto as igrejas se movimentarem orando pela nação. Isso é muito importante, porque a nossa sociedade tem desafios muito grandes em todas as áreas — alto índice de desemprego, violência, corrupção, famílias sendo afetadas”, acrescentou ele.

“Qual é a resposta para esses desafios? O Evangelho é a resposta. A Igreja do Senhor Jesus é a resposta”, respondeu o pastor.

Posteriormente, ele definiu a paixão por Jesus, a paixão pelo corpo de cristo e a paixão pela comissão, como três elementos fundamentais para o dia a dia do cristão.

“É a paixão por Jesus que nos move a fazer grandes coisas para Deus. É a paixão por Jesus que nos leva a viver em santidade. É a paixão por Jesus que nos leva a pregar o Evangelho. É a paixão por Jesus que desperta compaixão em nosso coração pelos perdidos. Temos que ser cristãos apaixonados por Jesus, mais do que qualquer outra coisa no mundo”, disse o pastor.

“Jesus não nos chamou para fazer convertidos, Jesus nos chamou para fazer discípulos”, ressaltou. “Estamos empenhados em fazer discípulos fazedores de discípulos”.

Etiquetas
Comentários

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo
Fechar