Ex-cantor gospel assume Homossexualidade é banido de igreja e vive como motorista de Uber

Quem não se lembra do talentoso cantor Sam Alves que venceu o concurso da globo The Voice Brasil em 2016.

Sam Alves vive como motorista de Uber após assumir a homossexualidade

Cantor Gospel deixa gospel e assume homossexualidade,e vive como motorista de Uber. Quem não se lembra do talentoso cantor Sam Alves que venceu o concurso da globo The Voice Brasil em 2016. A canção “Hallellujah” interpretada por ele ficou no imaginário dos internautas até hoje. Porém,o cantor já não tem mais agendas de shows e não faz mais shows gospel. Ser motorista de Uber foi a saída para o cantor gospel que assumiu a homossexualidade.

Samuel (Sam) durante o programa levou a bandeira da música gospel e pertencia ao time de Cláudia Leite na batalha. Infelizmente sua carreira parece ter declinado. Ele que é de família evangélica, assim que ganhou o programa preferiu não insistir na carreira gospel. O que frustrou um pouco o mundo gospel que aguardava por consumir do talento dele.

O artista no ano de 2017, assumiu publicamente sua homossexualidade no twitter e fez uma afirmativa sobre sua opção sexual e teve muita repercussão nas mídias sociais. A notícia caiu como uma bomba, pois o rapaz não demonstrava qualquer indício.

O cantor declarou ao Jornal Extra que não tem mais conseguido fechar novos contratos para cantar e hoje, trabalha como motorista de Uber, nos Estados Unidos, onde vive atualmente.

O cantor assumiu um relacionamento com Léo Moreira que é modelo e os dois moram juntos em Orlando. Há poucos dias o casal publicou fotos juntos se divertindo na Disney.

Longe da influência de ter sido um ex-ganhador do The Voice Brasil, Sam vive como pode nos Eua. Ele nunca revelou o que fez com os 500 mil reais que recebeu de premiação no programa. Sabe que, por certo não investiu na carreira, tendo um contrato assinado com a Universal Music todos os investimentos são financiados pela gravadora.

Muitos artistas acabam gastando muito dinheiro no afã de viver uma vida de artista. Esse padrão de vida é caro e ilusório. Não que seja o caso do cantor, porém sabe-se que não é muito difícil ver um cantor que ficou deslumbrado com dinheiro e hoje vive em condições sub-humanas, que são motivos de matérias de típicos programas sensacionalistas.

Etiquetas
Comentários
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] Reportagem Original […]

trackback

[…] Cantor Gospel deixa igreja e assume homossexualidade,e vive como motorista de Uber […]

Botão Voltar ao topo