Jesus é o “Príncipe da Paz”

Saiba Mais

Ludmila Feber aparece nas Redes Socias e anuncia novo tratamento contra o câncer

  A cantora e Pastora Ludmila Feber, impressionou seus seguidores neste domingo 24/01 após aparecer e anunciar no seu perfil...

Pastor acaba de morrer durante culto após dizer que Deus é bom

Pastor acaba de morrer após dizer Deus é bom  e o caso acabou de acontecer na igreja Aviva senhor...

Pastor é acusado de mandar vídeo com cenas obscenas para garota

Segundo o site Conttei, um Pastor da igreja Batista Getsemâni que tem como Presidente Jorge Linhares, supostamente teve um...

Papa diz a Biden que ora a Deus para guiar a reconciliação nos EUA

O Papa Francisco disse ao presidente dos Estados Unidos Joe Biden que estava orando para que Deus guiasse seus...
Dayana Ribeiro da Silva
Dayana Ribeiro da Silvahttps://www.obuxixogospel.com.br/
Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Publicado em:

A vinda do Messias foi predita pelo profeta Isaías por volta de 700 AC. Suas profecias registradas na Bíblia referentes a Jesus são citadas em todo o mundo, especialmente durante o Natal todos os anos:

- Advertisement -

“Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo estará sobre seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.(Isaías 9: 6)

Foram declarados os vários papéis de Jesus: filho, filho, governo, conselheiro, Deus, pai e príncipe. Apesar de ter sido mencionado, por fim, este atributo não é o menor – na verdade, é de grande significado: Príncipe da Paz. Sem paz, a continuidade da vida não seria possível. É por isso que o Filho de Deus, Rei dos reis, veio ao mundo que Ele criou.

Bênçãos do Príncipe da Paz

Jesus Cristo é a única razão pela qual podemos viver verdadeiramente em paz com Deus. O relacionamento correto com Deus é o fundamento para viver em harmonia com toda a Sua criação. Em Jesus, nossos medos na morte são removidos e substituídos pelo dom da vida eterna (Romanos 6:23). Além disso, o Filho de Deus se tornou o Príncipe da Paz para que nós, os filhos de Deus, possamos nos tornar os pacificadores (Mateus 5: 9, Isaías 57:19). Com a paz de Deus reinando em nossas vidas, veremos o céu na terra enquanto aguardamos com expectativa a segunda vinda do Príncipe da Paz.

Jesus Cristo é chamado de Príncipe da Paz porque só Ele é capaz de realizar essas três coisas:

1. Restaure cada relacionamento quebrado

Desde a queda do homem, o pecado foi “transmitido” à humanidade e, como resultado, entrou no mundo com a morte (Romanos 5:12).

A natureza rebelde de cada homem fez com que ele fosse inimigo de Deus, de seus vizinhos e de si mesmo. Por causa do pecado, o homem queria uma vida egocêntrica e independente de seu Criador, o que poderia levar a uma separação permanente Dele.

Deus sabia desde o início que nenhuma quantidade de boas obras poderia salvar o homem da escravidão do pecado e de suas consequências eternas. Por essa razão, o Verbo se fez carne e veio à terra para amorosamente alcançar Seu povo e se oferecer pelo preço de nossa salvação. Jesus Cristo, o cordeiro perfeito de Deus, fez a obra impossível em nosso favor por meio de Sua morte na cruz, para que possamos ter paz com Deus e com os outros (Efésios 2: 14-18) e conosco (Romanos 8: 1 ) Jesus Cristo se tornou um mediador (1 Timóteo 2: 5, Romanos 5: 1) e um intercessor (Hebreus 7:25) de Deus, para que todos os que crêem nele continuem a viver em Sua paz.

2. Proporcionar uma vida bem organizada e equilibrada

A paz de Cristo é a chave para termos harmonia na vida, permitindo-nos viver com um coração agradecido (Colossenses 3:15). Jesus trata não apenas de nossas necessidades espirituais, mas também de nossas preocupações emocionais e físicas. Ele sabe que precisamos de um equilíbrio entre vida pessoal e profissional. Na verdade, Jesus nos mandou trabalhar (João 9: 4) e descansar (Mateus 11:28) Nele – um estilo de vida que nos trará a verdadeira realização.

Como fomos reconciliados com Deus, devemos dedicar nossas vidas para servir para o Seu reino, não para nossos próprios prazeres. A obra do Espírito Santo produz verdade, paz e alegria em nós à medida que o reino de Deus se torna nosso foco e prioridade (Romanos 14:17). A paz de Deus também une Seu povo para a edificação do corpo de Cristo (1 Coríntios 14:33, Efésios 4: 1-3).

Sabendo que Cristo é nossa paz, confiemos nossas vidas a ele. Vamos entregar nossos fardos (ansiedades, dúvidas, medos e inquietação) a Jesus para que possamos experimentar Sua paz perfeita em nossos corações e mentes (Filipenses 4: 6-7).

3. Assegure Nosso Destino Eterno

Além das necessidades físicas, emocionais e espirituais, todo ser humano precisa (uma garantia de) salvação. Porque a vida na terra é perecível, nossa maior necessidade não é das coisas terrenas. Em última análise, todos nós precisamos de uma vida eterna – uma vida com o Criador, livre do mal, do pecado e da morte.

Nenhum homem na história teve a coragem de prometer a vida eterna. Mas aqui estão as boas novas: em Jesus Cristo, temos essa mesma promessa porque Ele é o autor da vida que experimentou a vitória sobre a morte (Atos 3:15). Jesus é o verdadeiro Deus e vida eterna (1 João 5:20), portanto, Ele é capaz de nos dar a verdadeira paz que ninguém mais pode oferecer (João 14:27). Em Sua paz perfeita, podemos continuar a experimentar o amor de Deus que lança fora nossos medos.

Escrituras sobre a paz

Jesus restaura cada relacionamento quebrado

Portanto, assim como por um homem o pecado entrou no mundo, e pelo pecado a morte, e assim a morte se espalhou a todos os homens porque todos pecaram (Romanos 5:12, NKJV).

Cristo é a razão pela qual agora estamos em paz. Ele nos fez judeus e vocês, que não são judeus, um só povo. Estávamos separados por uma parede de ódio que se interpunha entre nós, mas Cristo derrubou essa parede. Ao dar seu próprio corpo, Cristo acabou com a lei com seus muitos mandamentos e regras. Seu propósito era fazer com que os dois grupos se tornassem um nele. Ao fazer isso, ele faria as pazes. Por meio da cruz, Cristo acabou com o ódio entre os dois grupos. E depois que eles se tornaram um corpo, ele queria trazê-los de volta para Deus. Ele fez isso com sua morte na cruz. Cristo veio e trouxe a mensagem de paz a vocês, não judeus, que estavam longe de Deus. E ele trouxe aquela mensagem de paz para aqueles que estavam perto de Deus. Sim, por meio de Cristo todos nós temos o direito de ir ao Pai em um Espírito (Efésios 2: 14-18, ERV).

Portanto, agora nenhuma condenação há para aqueles que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito (Romanos 8: 1, NKJV).

Pois há um Deus, e um mediador entre Deus e os homens, o homem Cristo Jesus (1 Timóteo 2: 5, KJV).

Portanto, uma vez que fomos justificados pela fé, temos paz com Deus por nosso Senhor Jesus Cristo (Romanos 5: 1).

Conseqüentemente, ele é capaz de salvar ao máximo aqueles que por meio dele se aproximam de Deus, pois vive sempre para interceder por eles. (Hebreus 7:25, ESV).

Jesus oferece uma vida bem ordenada e equilibrada

E que a paz de Cristo governe em seus corações, para a qual, de fato, vocês foram chamados em um só corpo. E seja grato (Colossenses 3:15, ESV).

Devemos cumprir rapidamente as tarefas que nos foram atribuídas por quem nos enviou. A noite está chegando e então ninguém pode trabalhar (João 9: 4, NLT).

Então Jesus disse: “Venham a mim, todos vocês que estão cansados ​​e carregam fardos pesados, e eu lhes darei descanso ‘”(Mateus 11:28, NLT).

Para o Reino de Deus não é uma questão de o que comemos ou bebemos, mas de viver uma vida de bondade e paz e alegria no Espírito Santo (Romanos 14:17, NLT).

Pois Deus não é o autor de confusão, mas de paz, como em todas as igrejas dos santos (1 Coríntios 14:33, NKJV).

Como prisioneiro do Senhor, então, exorto-o a viver uma vida digna do chamado que recebeu. Seja completamente humilde e gentil; sejam pacientes, suportando uns aos outros em amor. Faça todos os esforços para manter a unidade do Espírito por meio do vínculo da paz (Efésios 4: 1-3).

Não te preocupes com nada, mas em todas as situações, pela oração e súplica, com ação de graças, apresenta os teus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que transcende todo entendimento, guardará seus corações e suas mentes em Cristo Jesus (Filipenses 4: 6-7).

Jesus assegura nosso destino eterno

Você matou o autor da vida, mas Deus o ressuscitou dos mortos. Nós somos testemunhas disso (Atos 3:15).

E sabemos que o Filho de Deus veio e nos deu entendimento, para que conheçamos aquele que é verdadeiro; e nós estamos naquele que é verdadeiro, em seu Filho Jesus Cristo. Ele é o verdadeiro Deus e vida eterna (1 João 5:20, ESV).

“Estou deixando você com um presente – paz de espírito e coração. E a paz que eu dou é um presente que o mundo não pode dar. Portanto, não se preocupe ou tenha medo ” (João 14:27, NLT).

Mais

Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor (Romanos 6:23, NKJV).

“Vou ensinar-lhes uma palavra nova: paz. Vou dar paz aos que estão perto e aos que estão longe. Vou curá-los.” O próprio Senhor disse isso (Isaías 57:19, ERV).

“Bem-aventurados os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus” (Mateus 5: 9, KJV).

© iStock / Getty Images Plus / aurorat

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Advertisement -

Últimas

Ludmila Feber aparece nas Redes Socias e anuncia novo tratamento contra o câncer

  A cantora e Pastora Ludmila Feber, impressionou seus seguidores neste domingo 24/01 após aparecer e anunciar no seu perfil...
- Advertisement -

Veja Mais

- Advertisement -
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Open chat
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do O Buxixo Gospel.