Gospel

Valdemiro Santiago diz que governo que proibir realização de culto vai arcar com a ira de Deus

O apóstolo Valdemiro Santiago mais uma vez virou notícia durante a pandemia do coronavirus após realizar um culto na Igreja Mundial não seguindo as normas de segurança imposta pelas autoridades.

Segundo decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Kassio Nunes Marques, fica autorizada a realização de cultos presenciais em todo o país. Entretanto, é preciso seguir algumas regras, como a ocupação máxima de 25%.

Mas, o que se viu na Igreja Mundial do Poder de Deus em sua sede nacional, no bairro do Brás, em São Paulo, neste domingo (4), foi bem diferente.

Na transmissão online dos cultos, realizados às 7h e às 10h, foi possível ver o público desrespeitando as regras de distanciamento social.

Em seu discurso, Valdemiro criticou o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil,  que recorre da decisão em seu estado, dizendo que o governantes que faz isso vai arcar com a ira de Deus.

“Todo mundo que deseja enfrentar Deus é louco. Porque isso foi ordem de Deus”

A abertura das igrejas e realização de cultos é um tema polêmico que vem causando confusão em diferentes estados do Brasil, tanto por pessoas adeptas ao funcionamento normal dos templos religiosos como aqueles que acham que devem permanecer fechados por conta da pandemia.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo