“Foi a mando de Deus”, isso disse o agressor, na tarde desta última quinta feira, quando o Brasil foi surpreendido pela notícia de que o candidato Jair Bolsonaro foi esfaqueado em um ato de campanha, por um militante da esquerda em Juiz de Fora. O assunto foi o principal tema de notícia nas redes sociais e na televisão também. O assunto ainda repercutiu nos principais tablóides de todo o mundo,que questionara se a democracia do Brasil é mesmo estável.

O homem usou o nome de Deus e esfaqueou Bolsonaro. Ele foi identificado como Adélio Bispo de Oliveira , e levado para a delegacia , preso para investigações e para preservação da sua própria vida. Pois logo após o ataque, foi detido pelo povo que estava no comício,  quase foi linchado pela população.



+ Pastor Lucas Guimarães vence doença após implante de medula.

Ao ser interrogado pelos policiais ele disse que estava cumprindo uma “ordem de Deus” e tinha razões pessoais para atacar o presidente. Mas uma pesquisa feita em suas redes sociais, deram conta que ele é mais um militante de esquerda xiita e por conseguinte, um dos integrantes da massa esquerdopata que odeia Bolsonaro. Inclusive, foi encontrada uma foto onde ele aparece próximo a Lula e Dilma num dos comícios do PT.

O candidato chegou ao hospital quase morto, e teve várias perfurações de órgãos e uma grave hemorragia interna que precisou de 2 transfusões de sangue para reverter o quadro. Notícias oficiais dão conta que se o candidato chegasse 5 minutos mais tarde ao hospital não teria sobrevivido.

+ Depois da tentativa de assassinato, Bolsonaro grava vídeo do hospital e manda recado para Magno Malta


A sensibilização ao atentado contra Bolsonaro foi tão grande que parecia não ter mais outro assunto nas redes sociais. Inclusive, a comunidade gospel se manifestou fortemente e houve uma enxurradas de manifestações de apoio ao candidato. Malafaia foi o primeiro a se manifestar contra o atentado e a cantora Eyshila disse que o ato decidiu o voto dela a favor de Bolsonaro. O Pastor Lucinho Barreto agradeceu o fato e disse que a situação elegerá Bolsonaro em primeiro turno.



Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.