cinzas
cantora Ana Paula Valadão

Engana-se quem pensou que Ana Paula Valadão estaria aos poucos sepultando a carreira de cantora gospel. Alguns até acharam que estaria trocando a música gospel pelo pastorado ao lado do marido nos Eua. Mas, Ana Valadão já mostrou que na verdade, ir para os Estados Unidos pode ter sido uma das maiores estratégias de seu ministério. Ela pode estar projetando uma carreira internacional e vem lançando singles em filmes americanos um após o outro.

A cantora anunciou nesta última terça-feira que faria participação especial da trilha sonora do filme Worthy. Na legenda de uma foto ela escreveu contando a novidade.

Jovem cantora gospel se torna vovó e internet vai ao delírio

“Diante do Trono participa da trilha sonora do filme cristão “Worthy”. O longa é uma produção da Mindfix Entertainment e tem previsão de lançamento mundial para 2020. Escrito e dirigido por Bruce Snyder, o filme norte-americano aborda batalhas espirituais e experiências de fé de um grupo de pessoas. A produção convidou Ana Paula Valadão para cantar “Silent Night” (“Noite Feliz”) em inglês, para os Estados Unidos, e em português, para o Brasil”,adiantou a cantora que pode estar projetando uma carreira internacional.

Esta já é a segunda canção que Ana emplaca em um produção de grande porte americana. No ano passado ela gravou “eu só posso imaginar” que foi trilha do filme de mesmo nome. A produção teve boa repercussão de bilheteria no Brasil.

Ana Paula Valadão atualmente vive nos Estados Unidos em Miami,onde fundou um ministério. Ao lado do marido Gustavo Bessa comandam a Before The Throne Church. Ela vem esporadicamente ao Brasil para cumprir agendas e visitar os pais. Ana sem dúvida é uma das maiores cantoras da história da música gospel brasileira. E já em abril vai gravar um cd ao vivo para comemorar os 20 anos de Diante do Trono.

Drama: cantora Ana Nóbrega abre o coração e fala sobre dor de não ter filhos em viagem a Israel

 A cantora recentemente gravou uma live onde se emocionou por perceber que suas músicas já não são mais cantadas nas igrejas brasileiras. A live trouxe muita repercussão nas redes sociais. Para Ana, a América pode ser apenas um recomeço muito maior em sua carreira musical, já que os Estados Unidos é considerado o centro do mundo, quando fala-se de música.

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.