lauriete lamente Adilson Gigante
“Adilson Gigante foi para o Céu”

A cantora gospel Lauriete lamenta em uma postagem em sua conta do instagram a morte do compositor Adilson Gigante.

O compositor Adilson Gigante Morreu na madrugada desta segunda (05), em Teixeira de Freitas. O cantor  evangélico tinha 67 anos e estava internado há três dias em um Hospital da cidade. Triste, a cantora Lauriete lamenta em suas redes sociais a morte de quem chamou de amigo.




Tragédia: Acidente tira vida de pastor, filho e esposa. Um sobreviveu preso na ferragens por 48 horas.

“Meu amigo e eterno compositor Adilson Gigante partiu pra morar com Deus, deixando a saudade e também a certeza que vale ser fiel enquanto estivermos aqui. Homem bom, humilde que sempre honrou a Deus e a família. Que o Senhor Jesus abençoe e conforte os corações dos seus”, escreveu ela.

De acordo os  sites de notícias gospel, a morte do cantor decorreu após complicações de um câncer nos ossos que sofria nos últimos anos.



Adilson era membro da Igreja Assembleia de Deus Ministério Missão, de Teixeira de Freitas (BA). Ele dedicou 43 anos  à carreira musical. Ele era conhecido em todo o Brasil por escrever centenas de hinos e levar a Palavra de Deus por meio da música. Dentre as obras mais populares estão “Criança pobre”, “Cidadão do céu”  e “Paz”.

O Gigante era um cantor querido no Brasil. Nas redes sociais, é possível notar pessoas de todo o país deixando  mensagens de carinho. Muitos cantores gospel fizeram elogios ao seu trabalho. Principalmente por  seu pioneirismo nas canções doutrinárias e bíblicas, e também por um ser humano humilde e simples.

“Sua voz incomparável dava o tom necessário para impactar profundamente quem ouvia seus louvores. Ele combateu o bom combate, e, agora, guardou sua fé, porque assim quis o Senhor”, lamenta com pesar o pastor Jadilson Moraes, amigo do cantor.




Pastor da Assembléia de Deus é morto sem piedade por assaltantes.

A cantora Lauriete marcou na publicação o seu esposo que Magno Malta. Ela que ganhou para deputa federal, deverá atuar defendendo a bandeira da família. Haja visto que mesmo perdendo, seu esposo, estará como ministro. O cargo deve ser totalmente voltado em defesa da família, a qual o ex-senador, já pode contar com o apoio da esposa

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.