Coca-cola volta a insultar milhões de Brasileiros ao estampar como rotulo das suas embalagens a cara do travesti Pablo Vittar.

A Coca-cola tem tentado descaradamente empurrar goela abaixo de milhares de Brasileiros a sua filosofia de ideologia de gênero. De forma mesquinha e covarde, na sutilidade, como se autodenomina o refrigerante da família, tenta embutir na  mesa de cada uma, a ideia do homossexualismo para ser pauta nos encontros diários familiar.




Lucas Fernandes ex-cantor gospel saí do armário e diz que culpa é de Pablo Vittar e Beyoncé

Recentemente o mesmo Pablo , presenteou o bolo de aniversario de uma ainda criança de 12 anos,  onde no corte do bolo antecipado de¨ parabéns a você¨, o  garoto beija seu namorado. Ele Pablo Vittar, também esteve em uma escola infantil, educando crianças com seu discurso homossexual, que é tema central de um conceito filosófico macabro de uma também transexual Judith Butler.



O rosto do transexual Vittar, sendo a cara da Coca-cola, não é a cara da família tradicional que ainda preso, pela constituição dela sendo um homem masculino e uma mulher feminina. A Coca-cola neste momento não representa, sequer a si mesma, já que perdeu sua identidade, nos viés da ideologia de gênero.



Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.