Crise financeira da Plenitude
Crise financeira de Agenor Duque

Lideres religiosos como agenor Duque, está cada dia mais perdendo contribuintes. E dado a crise financeira que o país vem enfrentando conseguir doações está complicado. Contudo, a solução encontrada pelo o líder da Plenitude foi intensificar nas campanhas e economizar.

Pouco tem se falado em crise financeira por conta do massivo apoio a Bolsonaro. Mas lideres como Agenor Duque tem sentido no gasofilácio, que seus fiéis estão fechando a mão. Além de ter que economizar, Duque teve que fazer algumas mudanças de redução de custo.




Esta rejeição dos fiéis dizimistas em meter a mão no bolso e doar para as instituições, tem gerado algumas mudanças. De acordo com o jornalista Ricardo Feltrin, muitas denominações estão optando pela “radio-evangelização”. Seria por causa do alto custo da “tele-evangelização”. Igrejas pequenas, ligadas à Assembleia de Deus, por exemplo, descobriram que é mais barato evangelizar por rádio e internet.

Além destas economias que Agenor Duque está implantando, outras nos bastidores também está sendo aplicada. A exemplo trocou câmeras operadas por humanos, por robóticas, assim cortando custos com funcionários.

Porém, o que pode fazer realmente a diferença para vencer a crise financeira e continuar com seus programas no rádio e televisão são as arrecadações. Nisto o apóstolo tem se empenhado e não economizou para atingir os dizimista.



Nesta manhã de quarta (24), em seu programa que faz pela rádio para abençoar os trabalhadores e dizimistas ele apresentou as mudanças que fez.

” Aqui a gente colocou as robóticas para economizar os custos com funcionários. tudo que é necessário se fazer para economizar nos temos feito”, disse ele.

Pastor petista sai em defesa de Hadadd sobre suposta bíblia que foi parar no lixo

Antes de concluir, Duque apelou dizendo que o programa não pode sair do ar. Segundo ele, pessoas de todos o Brasil tem sido abençoadas com os programas.




Valdemiro Santiago, da Mundial, ainda tem dois canais de TV. Mas pelo que parece também passa por momentos difíceis. E o grande desafio é para manter sua programação no ar. Quanto Agenor Duque, da Plenitude, que era muito presente na TV convencional, não tem conseguido bons resultados em suas “campanhas desafiadoras”. Os dizimistas parecem que foram afugentados  por algum motivo.

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.