O casal de líderes e fundadores da igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo e Ester Bezerra, completaram nesta segunda-feira(18),as bodas de alabastro,de seus 46 anos de casamento. Em sua conta no Instagram o Bispo da Iurd publicou uma foto ao lado de sua esposa,com a seguinte legenda.

“Que Deus abençoe o seu casamento como tem abençoado o meu! #46anos #família”, escreveu Macedo

Uma enxurrada de comentários seguiu a publicação de fãs e admiradores do casal,parabenizando-os pela união duradoura.




Recentemente, no culto “ terapia do amor”,no templo de Salomão,o casal foi convidado para palestrar para os casais e contou um pouco de sua história , e deu dicas de como construir um relacionamento sólido.

“Nós tínhamos costumes diferentes, e por causa disso a convivência ficaria difícil se não tivéssemos o elemento chamado fé, temor para com Deus, respeito de um para com o outro. Então, isso foi nos dando elementos para que pudéssemos viver os dias em aprendizado constante”, contou Macedo.



Todo o relacionamento aconteceu muito rápido,revelou Macedo, “Nós namoramos, noivamos e casamos em 8 meses”, falou.

O casal acredita que ceder as vontades do outro em prol da paz no relacionamento pode funcionar. “É errando que a gente aprende, e no dia a dia vamos conhecendo um ao outro. Tem que haver vontade em acertar, de agradar a pessoa com quem você está vivendo”, ensinou Ester Bezerra.

Dona Ester também disse que sempre pedia sabedoria a Deus para lidar com seu esposo. “Eu fui preparada para o casamento pensando em dar o melhor de mim e ser um bem para o meu marido, sendo sua auxiliadora”, completou.

A celebração veio em boa hora para, quem sabe,para amenizar um pouco,a série de ataques que a igreja vem sofrendo por conta da reportagem da TVI,emissora portuguesa que acusou a Igreja Universal de tráfico internacional de crianças.

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.