Na geladeira desde fevereiro e sem perspectiva de trabalho na Record, o humorista Marcos Batista dos Santos (que se apresenta com o nome Anão Marquinhos) tem dedicado seu tempo livre para atuar como missionário da Assembleia de Deus.

Fora da telinha desde que o Domingo Show deixou de ser ao vivo e em estúdio, Anão Marquinhos tem visitado diferentes unidades da igreja evangélica pelo país e faz pregações durante os cultos, dando o seu ponto de vista sobre a Bíblia.

“Sempre fiz isso, e desde 2011 eu já praticava isso. Mas quando eu entrei na TV, eu me dedicava mais à TV. E quando eu tinha um ou dois dias de descanso, eu aproveitava para levar a palavra de Deus. Sempre ministrei. E agora eu estou indo bastante”, diz Marquinhos ao Notícias da TV.

 

O humorista apareceu pela primeira vez na TV em 2011, como assistente de palco de Geraldo Luís no Balanço Geral. Quando o apresentador migrou para o fim de semana e começou a comandar o Domingo Show, levou o fiel escudeiro à tiracolo.

Como a atração passou por uma reformulação, perdendo metade de sua duração e deixando de ter auditório, Marquinhos ficou sem função e foi parar na geladeira. Sua última aparição na tela da Record foi no dia 4 de fevereiro.

Ele tentou retornar às edições de sábado do Balanço Geral ao lado do Garçom Maluco, personagem interpretado por Marcos Paulo (que também atua como manipulador da Cobra Judite). A ideia era que eles fizessem reportagens juntos, entrevistando famosos, mas a emissora não aprovou o projeto.

“Se estou à disposição, eu estou trabalhando. O que a emissora pedir para eu fazer, vou fazer. Se quiserem me colocar em outro programa, estou à disposição. Eu fico estudando, bolando ideias, para poder estudar e apresentar para eles.

Em nota, a Record diz que Marcos Batista é funcionário da casa e “está trabalhando em projetos futuros que oportunamente serão divulgados”

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.