Mais um pastor foi em cana por aplicar golpes. Desta vez foi o pastor Gênesis de Oliveira, 49 anos, foi detido pois o oficio dele era aplicar golpes em idosos no município de Anápolis.

Além dos golpes serem aplicados em idosos, as vitimas tinha em comum serem cristãs. O delegado Daniel Nunes, da Policia Civil, informou que foram apreendidos com ele 13 cartões de crédito. O religioso abordava os fiéis da igreja Assembleia de Deus com a desculpa de evangelizar. Após adquirir a confiança da pessoa, inventava mentiras para pegar os cartões das vítimas. A quantidade de vítimas ainda está sendo apurada.

+ Pastor é preso por pedofilia e alega possessão demoníaca




De acordo ainda com o policial responsável, o suspeito afirmava que seu cartão estava com defeito e pedia o dos idosos. Como eram pessoas humildes, aceitavam. Além disso, ele utilizava nos golpes uma máquina de cartão de crédito, a qual batizou de “máquina de dízimo”.

+ Pastor de Valdemiro Santiago preso como traficante internacional de armas

Para a Polícia Civil, Gênesis pode ser de Minas Gerais e estava há mais ou menos sete meses em Anápolis. Na aplicação de um dos golpes, o pastor foi até a casa da vitima que era um senhor e o presenteou com um queijo que continha sonífero. “O idoso o recebeu e, após comer um pedaço, ficou inconsciente. Ao acordar, descobriu que o pastor tinha levado o seu cartão com a senha”.

+ Pastor suspeito de estupro e assédio é preso em SP



Afonso dos Santos, 39 anos, que seria auxiliar de laboratório , filha de uma das vítimas, contou que Gênesis levou dinheiro da casa de seu pai, Delcio Afonso, 77. “O pastor bateu na porta da casa do meu pai e pediu um copo d’água. Quando ele se virou para ir à cozinha, o homem forçou a porta e entrou na residência. Dentro da casa, ele mexeu nas coisas e descobriu, em baixo de um móvel, a quantia de R$ 1 mil, a qual embolsou. Era toda a aposentadoria dele”.

Sagaz e zombeteiro,depois do golpes dava queijo. Neste, Gênesis foi embora e prometeu que voltaria para presentear Délcio com a delicia mineira.




Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.