O deputado Marco Feliciano participou, nesta quarta-feira (27), do quadro Máquina da Verdade, do SuperPop!, com Luciana Gimenez.

A verdade contidas nas  d respostas do convidado são analisadas por uma máquina. Para apimentar o quadro, a apresentadora perguntou se ele acredita que o sucesso de Pabllo Vittar é um perigo para o Brasil.




“No contexto político, sim. Ele representa um movimento e esse movimento tem crescido. E como lá em Brasília tem os defensores desse movimento, ouve uma especulação de que ele seria candidato. Se ele fosse candidato, explodiria de votos e traria mais um monte de gente com o mesmo pensamento dele. Isso seria uma ameaça para o pensamento conservador.”

Vale lembrar que o cantor Samuel Mariano usou de uma pregação para atacar o cantor. Alguns dias após o vídeo da pregação viralizar pelas redes sociais um grande escândalo no meio gospel aconteceu envolvendo umas imagens comprometedoras, que passaram a chama-las de nudes.



Com a repercussão do assunto, o cantor se aproveitou do vídeo da pregação para atribuir as imagens nudes aos ativistas gays de Pablo Vittar.

Oremos para que nada a respeito do pastor e deputado Marco Feliciano, venha cair nas garras das redes sociais, pois provavelmente veremos mais uma atribuição de culpa, principalmente se as imagens forem nudes.

Vale lembrar que anteriormente o pastor já havia se envolvido em um grande escândalo envolvendo uma estudante novinha, que acabou originando uma citação de Caio Fábio” comedor de menininhas”.




+ ¨Comedor de menininhas¨, diz caio Fábio de Marco Feliciano e desafia para um embate

Em um vídeo que caio Fábio postou em seu canal do Youtube, Marco Feliciano alem de não passar de um político tolo, na visão de Caio, ¨ainda é comedor de menininhas¨  Caio Fábio começa a tecer seu comentário a respeito de Feliciano sobre uma entrevista que cedeu onde chama Marina Silva, pré [continue lendo]

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.