O pastor Kofi Danso,   líder da igreja multi-campus ‘Miracle for All Nations’, no Canadá fez uma profecia um tanto peculiar. Na revelação do pastor que foi transmitida a uma mulher gravida, “Deus me disse se você não abortar você vai morrer”.

A profecia de Kofi supostamente advertia uma mulher grávida quanto a morte, pelo bebe que estava gerando. Segundo ele, Deus teria mostrado para ele que ela iria morrer se ela não abortasse seu filho.




Anteriormente, o dono da falsa profecia, já havia  negado ter tido um relacionamento íntimo com sua ex-amante. O detalhe, é que era  membro da igreja, Chris-Ann Bartley. Porém, ele foi desmascarado quando um exame de DNA deu a probabilidade de 99,99% de ele ser o pai do filho de 6 meses de Bartley.

+ Vídeo: Fãs revoltados com cantora gospel Débora Miranda e internet acusa de idolatria

Segundo publicou o jornal The Star, na tentativa de impedir que o caso viesse ao publico, o líder religioso entrou com uma petição para que tudo fosse mantido como sigilo. Pois alegou que , se o caso fosse divulgado, ele teria sua reputação e suas finanças prejudicadas. No entanto, o juiz do Supremo Tribunal de Ontário, Fred Myers, rejeitou.




Em uma decisão de 13 páginas no dia 17 de agosto, Myers explicou por que ele rejeitou o pedido de Danso. “A evidência da Sra. Bartley é que quando ela se aproximou do Sr. Danso para lhe dizer que estava grávida, ele pediu a ela para abortar. Quando ela rejeitou, ela diz que ele disse a ela que ‘o Senhor mostrou a ele que se ele tivesse um filho ela morreria’“, escreveu Myers.

+ Após parada gay pastor Paraibano chama atenção para os detalhes do movimento LGBT

A falsa profecia e o pastor foram desmascarados. No entanto, mm uma declaração datada de 10 de julho, Danso disse:

“Eu não tive relações sexuais com a réu“. Ele jurou que as afirmações de Bartley “são feitas de má fé para forçar-me a pagar pensão alimentícia pelo filho que foi feito por outro homem“.



Em sua decisão, Myers observou que “o Sr. Danso jura que ficou ‘chocado’ com o resultado do teste de DNA“.

Depois que o resultado do teste de DNA foi divulgado, o pastor  mudou sua declaração. Agora afirma que foi seduzido por Bartley para ter um caso. Bartley diz que a aventura durou quase três anos.




Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.