O pastor Cláudio Duarte que já esteve no centro de várias polêmicas, desta vez  se irrita com internauta que disse que o seu preço para pregar  estaria caro demais . Ele resolveu responder a altura.

Burburinhos tem surgido nas redes sociais que os preços dos artistas evangélicos estão caro, tanto para pregar , quanto para cantar. Isso para quem contrata e para quem assiste. E o pastor Cláudio Duarte que criou uma grande polêmica quando resolveu ir pregar na maçonaria, se irrita e rebate um internauta que questionou os preços que se paga para ouvir em suas palestras.

+ Mistério: Pastor Valdemiro Santiago tem reunião a portas fechadas com Doria e Alckmin

” Me diga a igreja que fez um CULTO e cobrou. Me diga a data e o valor”, disse ele na legenda da sua publicação.




O pastor também gravou um vídeo, que foi publicado em sua conta do instagram, se defendendo das supostas cobranças que são feitas em suas ministrações.

” Só pra esclarecer, as pessoas estão falando que está ficando caro me ouvir, que eu tô cobrando pra pregar! Só pra esclarecer, durante este mês, de julho agosto, eu preguei pelo menos vinte vezes. Eu queria que vocês passassem pra mim alguma igreja que cobrou alguma coisa de vocês pra entrar”, questionou Duarte.




+Vídeo: Pastor Agenor Duque, líder da Igreja Plenitude estaria ” Embriagado”?

Claudio Duarte, em um trecho do vídeo, não rebateu estar caro ou não, mas explicou que a pregação é diferente do stand-up e das palestras que as vezes acontece e que não tem nada a ver com culto.

“É só trabalho”, resumiu ele



No entanto, o pregador tenha se esquecido, que cada vez que se vai pregar em uma igreja, são os fiéis que pagam através do seu dizimo e suas ofertas. 

+ Pastor se irrita e afirma que “Quem não a lê Bíblia vota Lula”,

Há casos em que muitos pastores pedem no fim do cultos que se tire uma oferta “especial ” para o pregador. Estaria correto questionar os preços do pregador, já que são os fiéis que pagam?




Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.