O calote aplicado por Moçambique e Venezuela ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) virou assunto e motivos para xingamentos de Silas Malafaia, pois os  empréstimos autorizados durante os governos petistas está rendendo agora uma dívida superior a R$ 1,5 bilhão, que o Brasil precisará pagar e cobrirá com recursos do seguro-desemprego.

[themoneytizer id=”16458-1″]

 

Esse cenário foi usado pelo pastor Silas Malafaia para reiterar suas críticas ao Partido dos Trabalhadores e seus principais representantes, os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff.

Silas Malafaia investigado por lavagem de dinheiro




“Roubaram bilhões e bilhões nos governos Lula e Dilma. Os petistas são tão cínicos e inescrupulosos que acusam o MPF, Moro, STJ e STF de perseguição. Provas e mais provas são apresentadas contra eles. CAMBADA DE BANDIDOS! […] Deram bilhões a ditadores da África e América latina, esses bandidos estão dando calote no Brasil. Só alienados, esquerdopatas, petralhas e corruptos, para acreditarem nessa gente. ACORDA BRASIL!”, protestou Malafaia.

Para sanar esta divida que tem tirado o sossego de Silas Malafaia, a saída encontrada pela equipe econômica do presidente Michel Temer (MDB) foi remanejar R$ 1,16 bilhão dos recursos do seguro-desemprego para cobrir a dívida e evitar que o Brasil passe a ser considerado caloteiro pelo sistema financeiro internacional.



Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.