Imagem Bolsonaro: Reprodução Instagram
Imagem Bolsonaro: Reprodução Instagram

A comunidade gospel ficou  atônita com um ritual que  se espalhou pelas redes sociais. Quando a cantora sertaneja Marília Mendonça publicou um vídeo com  a Hashtag  (#elenão) um novo ato surgiu . A gravação da cantora pode ter incitado o movimento feminista a exercer um ritual que seria de bruxaria.

O vídeo pode ter sido o estopim para a manifestação feminista  que pode ser bruxaria. Segundo a cantora Marília Mendonça, ela foi desafiada pela Maria Gadú, sobre a importância da mulher se posicionar contra o que ” vem querendo acontecer no Brasil”. Marília afirma que não vai deixar, pois ” a gente (mulheres), não precisa deste retrocesso”.




Marília  que é uma das famosas cantoras sertanejas do país, resolveu se posicionar contra Bolsonaro. Ela disse: ” sou mulher batalhadora, e trabalhei bastante entre  outras mulheres do sertanejo. Para quebrar todo preconceito machista. E com certeza, Marília Mendonça é ele não”.

+ Vídeo: Pastor da IPDA prevê morte de Bolsonaro

A cantora ainda pediu que as mulheres pensem, se elas precisam deste retrocesso. “Contra qualquer tipo de retrocesso e a favor do amor #elenão”, finalizou ela.

O vídeo de Marília viralizou,  próximo do primeiro turno das eleições. E a campanha contra o candidato  Bolsonaro (PSL) feita pelo movimento feminista tem mobilizado as redes sociais. Algumas ativistas mais radicais resolveram se valer de uma simulação de ritual de bruxaria. O ato foi nas instalações de uma universidade federal para protestar contra o líder das pesquisas.



Depois do vídeo da cantora Marília Mendonça viralizar com a Hashtag  (#elenão), um curto vídeo surgiu nas redes sociais. Ele mostra uma roda de mulheres no Campus de Pontal, da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), em Minas Gerais. Elas ficam em volta de um caldeirão em chamas, gritando “Ele não”.

+ Pastor Silas Malafaia contou “mentira” nas redes sociais e Dilma promete processa-ló

O ato do movimento feminista  remete a ideia de que seria ritual de bruxaria, circulou nas redes sociais. Alguns manifestaram  apoio ao movimento e repúdio a Bolsonaro. Uma vez que a população brasileira demonstra estar dividida entre os que reprovam o candidato e se posicionam a favor de seus adversários. Contra também dos que apoiam o deputado federal que foi vítima de uma facada em Juiz de Fora (MG).




Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.