Notícias Gospel

Lula da sua primeira entrevista após vazamento das conversas

O ex-presidente aproveitou para fazer duras críticas à Bolsonaro

 

Em sua primeira entrevista, após vazamento legal das conversas com muro, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, aproveitou a situação para fazer duras críticas ao Ministro da justiça Sérgio Moro, bom como ao atual presidente da república Jair Bolsonaro.

A entrevista ocorreu na última quarta-feira(12) e foi ao ar nessa quinta feira (13), através da emissora sindical TVT.

Com isso, Lula iniciou criticando a condução de seu caso por moro.

Ele (Moro) estava condenado a me condenar porque a mentira havia ido muito longe”, afirmou ele. Disse também que tanto o então juiz Sérgio Moro quanto o procurador Deltan Dellaganol, seriam dois mentirosos. Dellaganol segundo ele, deveria ter sido preso.

” Dallagnol não poderia mais pegar na Bíblia porque mentiu”. Afirmou ele.

Lula também se expressou muita calma.
A máscara vai cair. O que vai acontecer, eu não sei. Eu estou mais tranquilo hoje, por que a minha tranquilidade é daquele que sabe que é honesto. Que sabe que Deus sabe que eu sou honesto. O Moro sabe que eu sou honesto.” Afirmou.

Ele ainda tentou provocar dizendo: “Eu não precisava de advogado. Se tem um cara que não precisava de defesa sou eu, porque o meu processo é 100% decisão política. Não tem nada de processo”.

Ainda segundo ele, instituições como a polícia federal , “não podem ser manipuladas por moleques irresponsáveis”, disse ele, atribuindo a Moro e Dellaganol a culpa pela desestabilização das estatais. Ademais, o Ministério Publico e a Polícia Federal estariam a serviço de interesses americanos e não de combate à corrupção no país.

Além disso, Lula também lançou inúmeras críticas ao atual presidente da república Jair Bolsonaro.

“O País pariu essa coisa chamada Bolsonaro”. Segundo ele, tudo isso aconteceu devido a uma série de eventos como o “volta Lula”, seguido pelo impeachment da ex-presidenta Dilma e estourou quando Michel Temer assumiu o poder.

Comentários

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo