26 C
Palmas
domingo, 17 janeiro, 2021

Comunidade LGBT fica confusa, após homem declarar ser ex-homossexual e levanta possibilidade de “cura gay”

Saiba Mais

Dayana Ribeiro da Silva
Dayana Ribeiro da Silvahttps://www.obuxixogospel.com.br/
Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Publicado em:

 

- Advertisement -

Homem choca LGBT após declarar ser ex-homossexual e levanta possibilidade de “cura gay”. Brian wheelock, é um entre milhares de pessoas no mundo todo que se declaram “ex-homossexuais, transformados pelo Espírito Santo de Deus. Desta forma, Brian foi um dos preletores da “Marcha da Liberdade” que foi realizada em Washington, Estados Unidos no final de maio.

“Eu vivi essa vida por pelo menos dez anos, e foi uma época louca na minha vida. Esses sentimentos eram reais. Passei muito tempo em relacionamentos e [vivendo conforme] minha identidade”, disse ele em seu discurso.

Com isso, a marcha reuniu um grande número de pessoas com histórias semelhantes a dele, objetivando revelar ao mundo que é perfeitamente possível construir uma vida diferente e abandonar a homossexualidade para viver de acordo com a Bíblia Sagrada. Entretanto, essa mudança aconteceria com a ajuda do Espírito Santo.

O ex-homossexual contou ter vivido em constante depressão, pois quanto mais se aprofundava no antigo estilo de vida, menos se sentia completo. Consequentemente, concluiu que não poderia continuar a viver dessa maneira e pediu a Deus para que ele “morresse para si mesmo” com a intenção de nascer como um cristão.

“Eu não orei em nome de Jesus para que ele me fizesse [uma pessoa] correta, eu orei para que eu morresse para mim mesmo e me tornasse um seguidor de Jesus Cristo”, contou.

Sendo assim, tomou uma decisão e resolveu fazer uma aliança definitiva com Deus.“Senti que Deus estava me dizendo ‘Brian, isso não é o meu melhor para você. E eu tenho o melhor para você’”, relatou ele.

“Eu fui a uma igreja e comecei a ouvir a palavra de Deus, e a palavra de Deus começou a me mudar de dentro para fora”, explicou ele ao alegar que a mudança ocorre gradativamente.

Durante o evento, vários ex-homossexuais contaram seus testemunhos de vida para a multidão ali presente. Uma delas foi Jen Schmidt. Ela era lésbica, e disse que a comunidade LGBT tem sido um tanto agressiva com as pessoas que se declaram ex-homossexuais. Segundo ela, esses testemunhos destroem as narrativas ideológicas do movimento que, por sua vez, afirma que não existem ex-homossexuais.

“Estou aqui para me conectar com outras pessoas que costumavam se identificar como LGBT, que costumavam se identificar com a sexualidade, em vez de com quem Deus planejou que fôssemos”, afirmou em alto e bom som.

“Estou aqui para comemorar com pessoas que são corajosas o suficiente para se levantar, em dias onde os outros têm medo de proclamar a verdade da liberdade em Cristo por medo de serem envergonhados”, acrescentou a moça.

- Advertisement -

9 COMENTÁRIOS

Subscribe
Notify of
9 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
- Advertisement -

Últimas

- Advertisement -

Veja Mais

- Advertisement -
9
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x