Brasil

Macron afirma que, a Amazônia deve ser de status internacional, já que seus líderes não conseguem salvá-la.

Bolsonaro, ao ter conhecimento desse interesse repentino da França, afirma que, eles querem ajuda-la com certo interesse por trás. “Será que alguém ajuda alguém” questionou ele.

De acordo com o site, EXAME.ABRIL.COM, o G7, grupo composto pelos países com a maior economia global, anunciou nessa última, segunda-feira dia 26, que doaria ao Brasil, 20 milhões de dólares, que equivale a 83 milhões de reais, para a situação de caráter urgente que se encontra a Amazônia, com esse dinheiro ele deveria enviar aviões-tanque para todas as áreas de foco de incêndio, afirmou o grupo.

Neste pronunciamento, o presidente da França, Emmanuel Macron, levantou um questionamento a cerca de que,  seria necessário conferir um status internacional á floresta Amazônica, se os líderes da região tomarem decisões que acabem prejudicando não só a região, mas todo o planeta.  O seu breve pronunciamento é uma clara objeção ao atual presidente, Jair Bolsonaro, o qual afirma que, Macron tem uma “mentalidade colonialista” ao exigir que seja tomada uma ação internacional a respeito da Amazônia.

“Este não é o quadro da iniciativa que estamos tomando, mas é uma questão real que se impõe se um Estado soberano tomar medidas concretas que obviamente se opõem ao interesse de todo o planeta” e conclui que “As conversas entre (Sebastián) Piñera (presidente do Chile) e Bolsonaronão vão nessa direção, acho que ele está ciente desse assunto. Em qualquer caso, quero viver com essa esperança.” Discursou Macron na, Associações e Organizações Não Governamentais (ONGs), que levantaram a questão da ação de status internacional.

Em sua última reunião, o presidente da França declarou que, “Ele [Bolsonaro] deseja ser respeitado como ator nesse jogo, mas acredito que ele tem consciência desse tema – em todo caso, eu prefiro ter essa esperança. Não é hoje que vamos decidir nada sobre isso, mas é um tema que permanece aberto e continuará a prosperar, nos próximos meses e anos”.

Em uma entrevista Bolsonaro se questionou pelo interesse da França pela Amazônia dizendo, “‘Macron promete ajuda de países ricos à Amazônia’. Será que alguém ajuda alguém – a não ser uma pessoa pobre, ? – sem retorno? […] O que que eles querem lá há tanto tempo?”.

Dayana Ribeiro da Silva

Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo