Ministro do Meio Ambiente afirmou que “O Brasil preservou 84% da sua floresta amazônica”

Saiba Mais

Cantora evangélica polemiza na internet: “viciada no meu macho”

E o clima é só Love lá pelas bandas de Niterói, no Rio. A cantora Mariana Valadão fez uma...

Profecia de 2021 abala igrejas Assembleia de Deus no Brasil

Um vídeo te viralizado no youtube, de uma profecia a cerca da igreja Assembléia de Deus no Mato grosso...

Bispo Edir Macedo fica vermelho de vergonha com clip sensual do filho

Um dos lançamentos musicais que mais está bombando no meio gospel, pasmem, não é gospel! É uma musica romântica...

Teólogo afirma que todas as pessoas irão para o céu no juízo final

De modo geral, os cristãos acreditam que no fim dos tempos haverá o julgamento de Deus. Assim, decidirá o...
Dayana Ribeiro da Silva
Dayana Ribeiro da Silvahttps://www.obuxixogospel.com.br/
Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Publicado em:

 Ricardo Salles, o ministro do Meio Ambiente, declarou nessa última segunda-feira dia 9, que o Brasil preservou a Amazônia por esforços próprios, “O Brasil é um país que preservou 84% da sua floresta amazônica, e fez isso pelos seus méritos próprios, com seus esforços próprios e continua preservando e defendo a floresta. Temos vários mecanismos financeiros que foram aventados internacionalmente, inclusive por ocasião do Acordo de Paris, e também do Protocolo de Quioto”.

- Advertisement -

Em uma entrevista a imprensa, o ministro afirmou que essa será a postura imposta pelo país na Assembleia Geral da ONU, informando  que o Brasil está aberto para receber recursos e ajuda. “O Brasil está aberto para receber e quer fazer a materialização desses serviços o mais rápido possível para poder militar a serviço do meio ambiente, da floresta e da preservação.”

Salles continuou dizendo que a atitude de Bolsonaro em questão do desmatamento ilegal passa pela modernização do decreto de conversão de multas. “As tarefas de combate à criminalidade são desempenhadas, sobretudo pelas autoridades policiais, dos órgãos de fiscalização ambientais, na parte de punições administrativas. Além disso, estamos modernizando, inclusive, com o a atualização do decreto de conversão de multas, dando maior celeridade ao programa”.

“O governo determinou uma inédita operação de garantia da lei e da ordem ambiental, colocando à disposição dos estados mais de 4 mil homens, diversas aeronaves, investimentos muito significativos no combate a esses focos de queimada e, também, no combate ao desmatamento ilegal” disse ele sobre as críticas internacionais sobre o aumento das queimadas na Amazônia.

Em uma entrevista após evento organizado pelo Grupo de Líderes Empresariais em São Paulo ele declarou que, “Nossa obrigação é esclarecer, trazer dados, o máximo de informação” e que é “para mostrar que a situação daquilo que está sendo feito e daquilo que temos em termos de ativos e mercados no Brasil é muito distinta da que vem sendo alardeada por alguns, tanto nacionalmente quanto internacionalmente”.

“O governo federal determinou inédita operação de Garantia da Lei e da Ordem ambiental, colocando à disposição dos Estados mais de quatro mil homens no emprego dessas ações por parte das Forças Armadas, diversas aeronaves, investimento significativo.”

- Advertisement -

6 COMENTÁRIOS

Subscribe
Notify of
6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
- Advertisement -

Últimas

Cantora evangélica polemiza na internet: “viciada no meu macho”

E o clima é só Love lá pelas bandas de Niterói, no Rio. A cantora Mariana Valadão fez uma...
- Advertisement -

Veja Mais

- Advertisement -
6
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Open chat
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do O Buxixo Gospel.