Brasil

Deputada estadual, xinga sem parar em seu discurso e pode ter mandato cassado.

O fato chocou a maioria dos internautas.

A representante da esquerda em São Paulo, a deputada estadual Isa Penna (PSOL-SP), causou escândalo ao usar expressões verbais de baixo nível em um discurso na (ALESP) Assembleia Legislativa de São Paulo, ao declarar o poema “Sou p*, sou mulher”, de Helena Ferreira.

No vídeo que circula todas as redes sociais, a parlamentar fala sobre a sua indisposição no projeto de lei do Republicano Altair Moraes, onde o mesmo defende a tese que homossexuais transexuais e travestir não podem competir em times ou grupos que sejam de gênero diferente.

Ai Isa em seu discurso quis chamar para para o vitimismo a sua fala, que mencionava o amor de Jesus pelos menos “favorecidos”. A deputada também se referiu a bancada evangélica como “Bancada fundamentalista”, quando solicitou  a retirada da emenda constitucional dos partidos do PSOL, que promovem as causas LGBT.

A deputada socialista está com  medo agora fazendo apelo em seu instagram , porque o deputado Douglas Garcia (PSL-SP) prometeu que iria levar as suas atitudes deploráveis para o conselho de ética afim de  pedir sua cassação, pois nas imagens a parlamentar da esquerda fala com sentido chulo sobre orgasmo,vagina, e ser P….!

quando interrompida Isa Penna, se referiu ao presidente da audiência público e outros colegas dela, como Hipócritas alegando que se há prostitutas nessa profissão tão antiga, é porque há demanda para isso, e por várias vezes Penna, falta com respeito ao debate na casa, quando mesmo sendo interceptada em sua fala torpe, continuou dizendo “Eu sou P…”

Comentários

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo