Brasil

Homem que acompanha debate escola sem partido é espancado

Foi visto com camisa do "movimento conservador".

Homem que acompanha debate escola sem partido é espancado

Um homem foi barbaramente espancado, por grupos militantes de esquerda, que o avistaram usando camisa que tinha mensagem conservadora. O fato aconteceu no campus da universidade pública do estado de São Paulo.

No entanto o rapaz estava acompanhado por uma mulher que também sofreu agressões, porém mais leves que o homem que foi identificado por nome de André Almeida, de 34 anos.

No local havia um debate que falava a respeito de escola sem partido, André e a jovem estiveram presentes no evento, quando ao sair por alguns instantes para tomar um lanche, foram visualizados por militantes de esquerda que defendem, o aborto, legalização das drogas, traficantes e como tantas outras ideologias a de ‘escola com partido’.

+ Nasa revela que haverá três dias e três noites de escuridão na Terra? saiba a verdade

O homem em seu depoimento, disse à polícia que foi espancado porque estava vestido com a camisa que dizia “movimento conservador”. O mesmo homem ficou ‘lavado de sangue’, e recebeu socorro de uma viatura policial, para a santa casa.

Os autores da agressão que aconteceu na faculdade de direito, no Largo São Francisco, ainda não foram identificados pela polícia.

Comentários

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo