Notícias

Deputado incorpora espírito em plena sessão na Câmara; pastor comenta

deputado incorpora espírito
Cena foi amplamente debatida na época. Foto: Reprodução

O pastor Lúcio Barreto, famoso pastor Lucinho, comentou do caso do deputado que foi ou um espírito em plena sessão na Câmara dos Deputados durante um evento solene anos atrás.

Deputado incorpora espírito

Assim, o curioso momento que lucinho lembrou foi para mostrar que o estado é laico e todas as profissões de fé são válidas, desde que se respeite a lei e o próximo.

O caso do deputado que é incorpora espírito ficou famoso no ano de 2004 trata-se Deputado .

Naquele dia, ao encerrar no Congresso Nacional a Sessão Comemorativa do Bicentenário do nascimento de Kardec.

Ele pediu permissão a seus pares para fazer uma oração, ao iniciá-la a faz “visivelmente” incorporado por um espírito.

Voto é aliança

Em seu artigo “O voto é uma aliança”, o pastor Lucinho defende que todos exemplos de fé sejam alvo de respeito.

Não só exemplo acima do deputado que incorpora o espírito.

Para ele, tais manifestações de fé são bem melhores do que “consultar as cartilhas de Che Guevara ou ditadores megalomaníacos mundo afora”.

Porque “quando votamos em alguém estamos apoiando suas idéias, ou seja, estamos fazendo uma aliança com o modo de pensar daquela pessoa”, explicou assim Lucinho.

“Alguém já disse que quando votamos em uma pessoa temente a Deus, que afirma ter princípios Cristãos, ela dará conta a Deus pelo nosso voto”, diz.

“Entretanto, quando votamos em um não crente, nós daremos conta de nosso voto a Deus”, completa.

“Ore e peça a Deus orientação num momento tão decisivo para nosso futuro, para o futuro dos nossos filhos e para o futuro da nossa pátria”, concluiu o pastor ao comentar o caso do deputado incorpora espírito.

Assista a reportagem no vídeo abaixo e leia o artigo clicando aqui:

Comentários
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo