Desde que anunciou sua saída da música  gospel para retornar ao funk logo após, a  cantora de funk Perlla tem dado o que falar. E o assunto que a cantora mais gosta de falar em suas entrevistas e do aparente desprezo a música gospel e aos fiéis que  a criticaram com seu abandono ao cristianismo.

Durante sua participação no programa “Papo de Almoço” da Rádio Globo, a cantora de funk Perlla novamente comentou sobre seu trabalho. Na entrevista ao programa de Fernanda Gentil, a ex-artista gospel disse que, hoje em dia, não teria seguido carreira no mercado evangélico se pudesse voltar atrás.

 

PERLLA COSPE NO GOSPEL QUE COMEU E MANDA CRISTÃO IREM A MERDA

 




Depois de ter gravado dois álbuns gospel em 2017, a então agora, cantora funk Perlla, decidiu voltar ao seu antigo secular sendo ele o funk. De acordo com ela, a mudança foi preciso por entender que era uma necessidade fazer a separação da  religião evangélica de seu trabalho.

“Eu entrei numa situação da religião e depois acabei me envolvendo profissionalmente”, lembra. E sobrou arrependimento: “Foi uma coisa que hoje, se eu olhasse de fora, eu não faria. Eu já tinha o meu trabalho e não tinha necessidade de fazer outro”, explicou a cantora de funk  Perlla.




Mais uma vez a cantora frisou que já tinha 14 anos de carreira como cantora de funk antes de entrar para o gospel, e que já era famosa antes disso.

“As pessoas me conheceram no gospel por conta de um trabalho que eu fiz no funk. Então é hipocrisia dizer ‘então larga uma coisa para fazer outra’. Eu não tinha que envolver uma coisa com a outra. Foi bom para mim como pessoa, foi ótimo. Paz, família, essa coisa toda. Introduzi minhas filhas nisso. Foi maravilhoso. Só que hoje eu não confundo mais as coisas, eu sei dividir”, se justificou.

No entanto , o que a cantora nunca conta, é que quando foi buscar socorro no gospel, estava totalmente falida. Embora sendo da Batista, Lagoinha, quem abriu as portas para ela, foi a assembléia de Deus na pessoa de Silas Malafaia com sua gravadora Central Gospel.

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do "O Buxixo Gospel. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.