Brasil

Gucci lança nova coleção de roupas com apologia ao aborto.

A coleção, Cruze 2020, foi projetada pelo diretor criativo da marca, Alessandro Michele..

A marca Gucci estreou uma coleção de moda fazendo declarações apologéticas sobre o aborto. A coleção Cruze 2020, foi projetada pelo diretor criativo da marca, Alessandro Michele. A coleção apresentou roupas que continha mensagens indutivas ao aborto.

Em uma entrevista algumas verdades Michele, descreveu sua coleção como homenagem a lei italiana sobre o aborto. A obra foi revelada no museu Capitolino, em Roma. Ele também afirmou que as peças seriam um hino à liberdade, o que lhe permitirá expressar livremente sua crença na ideologia de igualdade de gênero e autodeterminação.

As peças que mais chamaram atenção na exposição de moda foram: uma jaqueta roxa com o slogan  bordado meu corpo, minha escolha, uma jaqueta com a data da lei de aborto da Itália, e uma saia que continha um útero florido. Michele declarou então bem que as leis pró vidas, que foram aprovadas em vários estados dos Estados Unidos a levaram a considerar o quanto as mulheres devem ser altamente respeitadas pela sociedade.

“Eu queria retratar a ideia de que interromper uma gravidez não extermina o jardim, a flor, que é o útero de toda mulher”, afirmou.

O estilista, não fez menção aos comentários contrários,  que afirmam que o bebê é morto e retirado a força do útero durante a suposta interrupção da gravidez, e nem o fato de que o procedimento é altamente violento ao corpo da mulher e pode causar diversas complicações graves, podendo até mesmo levar a óbito.

Em uma entrevista dada por Michele WWD, ela justificou as mensagens pró aborto explicando : “O único mundo que posso imaginar é um mundo onde cada pessoa pode ser quem eles gostariam de ser, sem qualquer tipo de restrição ou julgamento”.

Entretanto pessoas adeptas a movimentos contrários ao aborto afirmaram que a as afirmações de Michele seriam então tu contraditórias, visto que a violência do aborto condena milhares de pessoas pelo mundo todo a nunca terei uma chance de se tornarem tem gostariam de ser por ter sua vida interrompida antes do nascimento.

Dayana Ribeiro da Silva

Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Open chat
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do O Buxixo Gospel.