Notícias Gospel

“Nem que seja de cadeira de rodas eu irei à cerimônia da ONU” declarou Bolsonaro.

A Amazônia será um dos principais assuntos tratado na reunião.

Na manhã desta segunda-feira dia 02, o atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, revelou que está disposto há não medir esforços para estar presente na Assembleia Geral da ONU, que estará acontecendo em Nova Iorque, dia 20 de setembro. Inclusive, nesse evento, Bolsonaro tem o intuito de abordar assuntos evolvendo a Amazônia. Esta participação que Bolsonaro pretende realizar seria a sua primeira cerimônia como presidente da República.  

Um dos obstáculos para não poder estar na cerimônia seria por causa de uma cirurgia que será submetido na próxima semana, no domingo dia 8, em decorrência de uma hérnia que apareceu na região onde passou por 3 intervenções cirúrgicas ocasionadas pela ocorrência de uma facada que levou enquanto estava presente em uma campanha eleitoral feita no ano passado.

Os médicos estipulam um período de 10 dias para ficar de repouso. Apesar de ser um pequeno período de tempo, o presidente indagou que de qualquer maneira vai estar presente no local.

– Eu vou comparecer à ONU nem que seja de cadeira de rodas, de maca, vou comparecer. Porque eu quero falar sobre a Amazônia. Mostrar para o mundo com bastante conhecimento, com patriotismo, falar sobre essa área ignorada por tantos governos que me antecederam – afirmou.

Contudo, Bolsonaro ainda voltou a se posicionar em defesa da soberania da Amazônia. De acordo com ele, há infelizmente uma ameaça externa em torno da localidade.  

“Ela foi praticamente vendida para o mundo. Eu não vou aceitar esmola de país nenhum do mundo a pretexto de preservar a Amazônia. Mas, na verdade, está sendo loteada e vendida” termina.

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, declarou a imprensa nesta última semana que a Amazônia será um dos principais temas abordados na Assembleia-Geral, e que a presença do presidente é indispensável para que juntos consigam encontrar uma forma de salvar a floresta.

Comentários

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo