GeralPolêmicas

Ciro Gomes faz as pazes com Lula, ataca Moro e chama Luciano Huck de inexperiente.

Ex-ministro Ciro Gomes vem a Curitiba para campanha de Goura - Bem Paraná

Ciro Gomes atacou o ex- ministro Sérgio Moro e governador João Dória após conversações com apresentador Luciano Huck sobre uma possível aliança de centro as eleições presidenciais de 2022.

Em São Paulo, após um apoio ao candidato do PSD, Márcio França, o ex- governador do Ceará reagiu.

” No dia Dória, Huck e Moro for de Centro, eu sou de outra esquerda, o que eu nunca fui”,afirmou Ciro Gomes.

Ciro foi candidato pelo PDT EM 2018 E, recentemente, fez as pazes com Lula e não esconde o desejo de, mais uma vez, disputar a cadeira, ocupada por Jair Bolsonaro. O ex- juíz Sérgio Moro, foi o principal:

” Vamos ter compostura. Moro vendeu a toga em troca de um cargo vitalício. É um cara da extrema direita. O Moro se veste como os fascistas italianos da década de 30. O Moro é fascista. Prendeu adversário político, tirou adversário político da eleição e, em seguida, aceitou ser ministro do que ganhou a eleição. Isso é uma lesão ética que transforma o Moro, para mim, em um grande malandro”, concluiu.

Sobre o governador João Dória, oo ex- ministro de Lula disse que foi um prefeito que mentiu para o povo.

Apoio de Bolsonaro nas eleições entram na mira da Procuradoria

” Ele já resolveu: Vai terceirizar a prefeitura para o MDB,vai terceirizar o governo do Estado para o DEM. Esse é o plano dele para ser o presidente da República e vocês wue se arrebentem!”.

Ciro miniminiza o impacto das eleições municipais sobre as eleições 2022.

“2022 vai chegar e daqui pra lá, morre o burro e quem o tange. Então ninguém se preocupe em antecipar coisa de 2022, porque esse país, pra quem não conhece , é muito amador, imagina que a eleição municipal vai tomar definição pra lá”.

Já, sobre Luciano Huck, Ciro focou na inexperiência.

Felipe Neto diz que em nenhuma hipótese votará em Moro nas eleições 2022

” É um apresentador de televisão,ok. É uma tarefa das mais dignas. Isso prepara para enfrentar a maior crise social econômica? O posicionamento internacional do Brasil, o Congresso hiperfraturado? Só a irresponsabilidade de algumas pessoas da elite brasileira, é que permitem a gente acreditar isso”, completou.

Comentários

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo