Gospel

Pastor é preso após esfaquear a mulher

Com ar demoníaco, pastor que esfaqueou mulher grávida ri de policiais

Jorge de Souza Valdez de 44 anos, foi preso em flagrante depois de tentar matar a esposa Regiane Cales da Silva  a facadas na madrugada desta terça-feira (9) no residencial Cleide Maria, Conjunto Habitacional Orestinho, zona Oeste de Três Lagoas.

Grávida de 6 meses,Regiane , 41, dormia quando foi atacada pelo marido,Jorge que  a atingiu no pescoço  causando-lhe um corte profundo e extenso.

A mulher apresentou também um corte em uma das mãos, o que dá a entender que tentou se salvar.

Após esfaquear a parceira gestante enquanto a vítima dormia, o suspeito se feriu com a faca utilizada no crime, na tentativa de simular uma tentativa de suicídio.

Mesmo sangrando muito e percebendo que a vítima ainda estava viva, Jorge de Souza Valdez, resolveu levar a mulher para o Hospital Auxiliadora, no intuito que ela falecesse durante o trajeto e pudesse inventar outra versão.

Morre pastor que disse que covid era por causa de sexo antes do casamento

o chegar no hospital Jorge se deparou com três viaturas da Polícia Militar que atendiam a ocorrência de um acidente de trânsito, ocorrido durante a madrugada e acabou confessando ter esfaqueado a esposa.

Regiane perdeu grande quantidade de sangue e chegou em estado gravíssimo, os médicos que estavam atendendo dois pacientes graves de um acidente, tiveram que submeter a vítima à manobras cardíacas por Regiane ter sofrido uma parada respiratória.

Após reanimar a vítima, Regiane foi levada para o centro operatório, onde foi necessário uma cesária de urgência para salvar o bebê que estava também em parada cardíaca.

Pastor é acusado de abusar duas crianças em Araraquara

Depois da cesária o bebê foi também foi submetido a manobras respiratórias e os médicos conseguiram reanimar o bebê que foi levado para uma UTI (Unidade de Terapia Intensiva).
Regiane ainda estava na sala de cirurgia e seu estado de saúde é considerado gravíssimo.

Jorge de Souza Valdez recebeu atendimento na enfermaria e em seguida alta médica, policiais militares que acompanharam o caso deram voz de prisão ao autor que poderá responder por tentativa de feminicídio e por tentativa de infanticídio, o crime poderá ser agravado pela vítima estar dormindo na hora e ter sido atacada covardemente sem chances de defesa.

(Com informações JP NEWS)

Dayana Ribeiro da Silva

Dayana Ribeiro Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo